LIDERANCA

Imagem por: SoftwareRH

Grande parte dos Líderes acabam colocando muito foco em atividades burocráticas e rotineiras, quando o ideal é que se tenha um importante olhar para o desenvolvimento das pessoas. Trazer para a equipe uma visão estratégica do negócio, aumenta a produtividade e os resultados melhoram significativamente.

De acordo com pesquisas, empresas que possuem um bom nível de excelência em CAPACITAÇÃO são aquelas que atingem a média de 100h de treinamento por funcionário/ano e a LIDERANÇA 160h/treinamento por ano. E o que vem acontecendo é exatamente o contrário, os Líderes participam 31% menos de ações de Treinamento e Desenvolvimento do que seus Colaboradores.

Além da necessidade de levar para a sala de aula assuntos pontuais, é importante a inovação e a prática daquilo que vivenciam durante o período de capacitação.

Verdadeiros Líderes entendem o contexto em que a empresa está, conhecem os resultados que precisam alcançar e trazem as melhores soluções quando os problemas surgem. Geralmente, pessoas com boas características de liderança tornam-se referência para os colaboradores, reconhecem suas falhas e buscam sempre melhorar. Oferecem oportunidades justas e democráticas, ensinam e tem humildade suficiente para aprender com a equipe.

Portanto, como dissemos anteriormente, ficar restritos a controles operacionais, afasta o Líder de sua principal atividade que é gerir PESSOAS, acompanhar as tarefas desenvolvidas por cada um, engajando a equipe, mostrando o caminho e oferecendo suporte necessário para chegar ao objetivo, sempre na busca por novas ideias e soluções, afinal uma boa equipe é o reflexo de uma grande liderança.

Autor: Mateus Matos – 16/02/2018